Disciplina do Garra de Águia

Disciplina do Garra de Águia

Juramento | Disciplina na academia | Ética Marcial (WuDe) ]

Ética Marcial (Wǔdé, 武德) do Kung Fu Garra de Águia
Ética Marcial (Wǔdé, 武德) do Kung Fu Garra de Águia

Juramento
É o compromisso do praticante para manter uma conduta ética dentro do espírito das artes marciais.

1. Eu me comprometo a treinar o corpo e o espírito para a paz.
2. Eu me comprometo a reverenciar nossos ancestrais e a respeitar mestres, professores e colegas.
3. Eu me comprometo a não ser falso e seguir o caminho da verdade.
4. Eu me comprometo a persistir no aperfeiçoamento físico, mental e espiritual.
5. Eu me comprometo a ser paciente e humilde, galgando um a um os degraus do conhecimento.
6. Eu me comprometo a contribuir para que o nosso meio não ofereça abrigo aos mal intencionados.
7. Eu me comprometo a respeitar as demais filosofias e artes-marciais.
8. Eu me comprometo a zelar pelo devido respeito ao Kung Fu.
9. Eu me comprometo a ser um exemplo vivo da filosofia e da ética dos mestres.

Mais sobre o Código de Ética Marcial (Wǔdé 武德)


Disciplina em sala de aula

  • ​Cumprimento: sempre que entrar ou sair da sala, reverenciar o santuário e cumprimentar o professor de mãos limpas. Procurar cumprimentar por ordem hierárquica de graduação (do mais antigo ao mais novo), da mesma forma tradicional do Kung Fu (mão direita fechada, esquerda aberta), seja homem ou mulher, sem intimidades. Cumprimentar monges com as palmas juntas.
  • Vestimenta: uniforme padrão, camiseta por dentro da calça, faixa do lado esquerdo para homens e do lado direito para mulheres. Não usar colar, brincos com argola ou qualquer adorno que possa machucar durante o treino. Ao ajeitar o uniforme, virar-se de costas para o santuário. Se esquecer camiseta de treino, pedir autorização ao professor e vestir camiseta do avesso.
  • Postura: sem desleixo: não cruzar os braços, não colocar mãos na cintura, não se apoiar na parede. Ao descansar, cruzar os braços atrás. Ao sentar-se, cruzar as pernas.
  • Pontualidade: é sinal de disciplina. Estar em sala no horário do começo da aula. Pagar mensalidade no prazo estipulado.
  • Higiene: manter higiene pessoal, uniforme limpo, unhas curtas, cabelo preso e perfume moderado. A sapatilha de treino não deve ser usada na rua.
  • Alimentos: proibido comidas ou bebidas dentro da sala de treino, incluindo balas e chicletes. Quando o grupo for se alimentar, aguardar o mestre ou o professor começar a comer para então fazê-lo. Não é permitido o consumo de carnes, bebidas alcoólicas, cigarros ou outras substâncias tóxicas no ambiente Tzong Kwan.
  • Armas: pedir autorização ao professor para pegar armas e somente se tiver aprendido. Após usar armas e outros equipamentos, guardá-los no mesmo lugar de onde tirou.
  • Juramento: deve ser compreendido e memorizado. Recitar com concentração.
  • Conversas: atrapalham o treino. Na sala, todos devem estar treinando e não conversando ou brincando. Esperar o momento certo para falar. Proibido dizer palavrões ou termos ofensivos que possam ferir a integridade de alguém, estando ela presente ou não.
  • Formalidades: receber o que for oferecido com as duas mãos, demonstrando atenciosidade. Levantar-se quando um mestre entrar na sala e ao cumprimentar professor. Chamar pelo título (professor, sifu) e não pelo nome.
  • Civilidade: respeitar todos os colegas igualmente, sem discriminação ou desavenças pessoais. Na academia, todos são irmãos de Kung Fu. Qualquer problema, comunicar ao professor.
  • Controlar a força e distância de golpes com colegas, respeitando sua condição física. Treinamos para fortalecer, não para machucar.